O serviço da caridade para com os doentes é um serviço mariano

 

Na sequência litúrgica da festa de Nossa Senhora das Dores, Maria é honrada sob o título de “Fonsamoris”, “Fonte de amor”. Realmente, do coração de Maria brota um amor gratuito que suscita como resposta um amor filial, chamado a aperfeiçoar-se sem cessar.

Como todas as mães, e melhor do que qualquer outra mãe, Maria é a educadora do amor. É por isso que tantos doentes vêm aqui, a Lourdes, para dessedentar-se nesta “Fonte de amor” e para deixar-se conduzir até à única fonte da salvação, o seu Filho, Jesus Salvador. (…)

O serviço de caridade que prestais é um serviço mariano. Maria confia-vos o seu sorriso, para que vós próprios sejais fontes de água viva, assim como ela foi e é, na fidelidade a seu Filho.

Aquilo que estais fazendo, fazei-o em nome da Igreja, de quem Maria é a imagem mais pura. Possais vós levar o seu sorriso a todos!

Bento XVI
Homilia da Santa Missa com os doentes,
Lourdes, segunda-feira,15 de setembro de 2008